QUANDO ESSE MOMENTO CHEGAR ENCARE-O DE UM JEITO LEVE…

Tem se tornado comum situações em que profissionais, das mais diversas áreas, se deparam com momentos de frustração, desânimo, desmotivação e descrença em suas trajetórias profissionais e começam a questionar as escolhas que fizeram e, também, o que deverão fazer para retomarem o prazer pelo trabalho, que parece ser cada vez menor.

Muitas são as razões que levam a este momento, e, todas elas devem ser analisadas, para que as decisões sejam tomadas de maneira segura, considerando as reais causas destas insatisfações, por meio de uma ampliação do autoconhecimento, de uma análise de mercado e, sobretudo, do que realmente se está buscando em relação a esta nova postura profissional.

Quando ampliamos o autoconhecimento somos capazes de ter clareza dos nossos pontos fortes e daquilo que temos menor afinidade.

É possível, também, identificar as reais causas de nosso desejo de mudança, ou seja, se tem a ver com o que fazemos, se está relacionado ao modelo de gestão que é praticado na empresa em que trabalhamos, se diz respeito à questão financeira, se está relacionado também a um antigo desejo de nos tornarmos empreendedores abrindo nosso próprio negócio, se tem a ver com nosso atual momento de vida, crise da meia idade…. etc.

A identificação clara da real motivação é fundamental para decidirmos qual caminho seguir. Seja qual for essa motivação, devemos ter consciência de que para sairmos de uma situação atual que não nos agrada e, chegarmos a uma situação ideal que almejamos, será necessário a realização de um planejamento minucioso, considerando todas as variáveis envolvidas, bem como, investimentos que deverão ser feitos em relação a cada escolha, bem como, a previsão de todos os passos que precisarão ser dados para se chegar ao resultado sonhado.

É certo que não dá para manter uma vida profissional pouco atraente e sem estímulos.  Contudo, o que fazer para transformar essa realidade, precisa ser analisado com objetividade, sem se deixar guiar apenas pela voz do coração. Mudanças, nesse contexto, para terem maiores chances de sucesso, devem levar em conta:

  • O que foi possível construir, ao longo da sua história,
  • Os ganhos e perdas do que já foi vivido até esse momento,
  • Avaliar como tudo isso poderá ser aproveitado nesse novo desafio,
  • Projetar as novas realizações advindas da mudança que pretende realizar em sua vida,
  • Enfrentar a mudança com coragem e determinação,
  • Escrever uma nova história.

Honrar e respeitar o que somos, a nossa essência, a nossa história, nos faz pessoas mais plenas e conscientes da nossa missão de vida e dos nossos sonhos, que são essenciais em qualquer atividade que formos realizar.

Esse não é um momento fácil e, por vezes, não conseguimos passar por ele, sem uma ajuda de um profissional psicólogo ou coach, que irá nos apoiar e conduzir a essas reflexões profundas e necessárias.

Se você está passando por uma situação como essa, saiba que somos preparadas para apoiá-lo nessa jornada.

Fale conosco e saiba mais sobre isso…

 

Carla e Sandra

Carla Limongi e Sandra Faria

Compartilhe nas redes sociais

Deixe um comentário